Sexta-feira, 21 de Março de 2008

Um sopraninho em Lisboa...



Ainda não fui ver este filme de Bruno de Almeida.

Mas gostava de ir. Mais que não seja pelo apelo que li aqui .

Sei que se passa em Lisboa. Chama-se The lovebirds.  São 6 histórias de amor, de vida, de sobrevivência.

Mas calha numa semana em que voltei a estar de costas voltadas para o cinema português.

Vi  esta semana na televisão, num dos canais cabistas, um filme de 98, de João Canijo - Sapatos Pretos, com a Burstoff, o João Reis e o Vitor Norte.

Não sou de falsos pudores, de fingidas vergonhas, as cenas de sexo explícito entre adultos não me chocam mas também, devo confessar, não me entusiasmam.

Prefiro de longe uma boa cena erótica, a tensão da intenção, o desejo latente, do que ter visto um grande plano da anatomia íntima da Burstoff e o respectivo afocinhanço dos dois intérpretes...já vi pornográficos mais artísticos !

Eu sei. Sou uma Cinderela...

...ainda acabo por ir ver o Bardem !



sinto-me: corada até às orelhas
tags:
publicado por entreparentes às 08:26
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De jonasnuts a 21 de Março de 2008 às 12:02
Desculpa lá, mas quais foram os pornográficos mais artísticos que viste?

Em Cannes, só se foi.
De Lina a 21 de Março de 2008 às 22:29
Ehheheh mas o No country for oldmen vale a pena, pelos planos, pela imagem, pela interpretação do psico.

Gostei da palavra afocinhanço, é que quase deu para visualizar a cena a quem não viu o filme. Ahahah.

E a te(n)são da intenção é tão lixada oh oh. Concordo.

Há pornomovies em Cannes?
De entreparentes a 22 de Março de 2008 às 09:44
Olá Lina
Desta vez quero ir ver o Bardem mas no Amor em tempo de cólera, pelo menos sei que não vou ter choques sexológicos...queres ver que sou mesmo uma romântica ?

Deve haver montanhas de pornovideos em Cannes mas já me chegava ter de ver, às vezes, mais de 10.000 filmes de publicidade...garanto que não tinha nada de erótico.

E a Jonasnuts que também lá esteve também não viu nada porno...na altura a grande excitação dela era andar de patins na Croisette.

Mas foi na praia de Cannes que, há muitos mesmo muitos anos atrás, vi os primeiros, na altura proibidos, topless.

E foi também em Cannes que tive a minha única abordagem por um prostituto, dizia ele em voz sussurrada : 1.000 francs et je te fais tout!

Não aceitei...mas só ouvir a proposta já foi uma grande experiência !

Comentar post

.pesquisar

 

.Sítios que eu visito

.posts recentes

. Daqui a 1 mês não tenho n...

. O Xico Careca e o Faceboo...

. As escadinhas da Regina

. Já lá vão 50 anos...

. Escrever...

. O TAI CHI E EU (I)

. Voltei !

. Vou fazer Harakiri...

. Saravá, amigo de Apucaran...

. Como é que se diz ? Parec...

.arquivos

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds